/ INSIGHTS

Ausência

Foto de Milada Vigerova, via Unsplash

Estive sem notebook por aproximadamente um mês. Ele não ligava, só apitava e eu seguia tentando todos os dias. Ontem finalmente consegui ligar, então aproveitei a oportunidade pra fazer um backup e uma instalação limpa do Ubuntu e não tive problemas pra ligar novamente. Até que enfim uma vitória, esperamos que siga assim.

Uma das minhas preocupações durante esse tempo sem notebook era o blog, afinal já estava sem acesso há um mês e tinha alguns posts prontos na máquina. Mas eis que descubro que a última postagem foi no dia 11 de agosto de 2019, data essa que me impedia de usar diversas desculpas que inventei. A primeira desculpa era o próprio notebook, mas agosto passou há mais de um mês, obviamente. A segunda seria a falta de conteúdo, o que também não justifica, já que muita coisa mudou na minha vida nesse período (tipo o fato de não estar atuando como Scrum Master no momento, que por si só poderia render umas 10 postagens). E a terceira, apesar de impactante, seria a crise do coronavírus que me fez ter mais “tempo livre”: em casa, com carga horária reduzida e com a extinção de várias atividades que me distraiam. Ok, concordo que não é algo normal e que todos estamos sentindo o impacto, eu mesma fiquei 15 dias em férias compulsórias e nem senti esse tempo passar, mas agosto do ano passado também tá bem longe dessa crise, ou seja, desculpa descartada.

Então, foi só uma ausência, nada além disso. Tenho alguns episódios do tipo frequentemente: inicio uma atividade que gosto, tento manter uma frequência, deixo de lado por um tempo e depois descubro que esse tempo foi de meses. Tento me revoltar e fingir surpresa, mas lembro que sempre acontece. Então, nada de desculpas dessa vez.

Quando me dei conta do tempo que fiquei sem postar no blog, fiz uma promessa nova: manter uma frequência de atividades de forma consciente e consistente, já que constantemente não percebo a velocidade em que o tempo passa. O que é engraçado, já que como Scrum Master vivo prestando atenção em time-boxes, prazos e horários. Porém, a minha organização na vida pessoal é bem diferente da profissional e assim eu descarto mais uma desculpa que eu estava inventando agora. Promessas pra quem lê esse blog eu não faço mais, já que decepcionei na primeira e fui cobrada por isso. Um abraço pros leitores ansiosos que devem estar decepcionados desde agosto do ano passado.

Mas vou aproveitar que consigo seguir com o meu trabalho de forma remota pra tentar me organizar, mesmo no meio de tanta coisa ruim acontecendo. Esta tentativa está sendo feita através de alguns cursos e leituras que já vou deixar destacados.

No momento estou lendo os seguintes livros:

Do primeiro estou extraindo dicas para organizar a minha rotina e no segundo estou vendo exemplos de situações reais para fazer um retrospecto da minha atuação como Scrum Master. Pretendo discorrer mais sobre quando terminar a leitura de ambos.

Sobre os cursos, gosto de fazer mais de um ao mesmo tempo, mas estou focando na formação de desenvolvimento pessoal da Alura, que inicia pelo curso de Hábitos. A esperança é que depois dele eu tenha as ferramentas necessárias pra cumprir a minha promessa.

Enfim, sei que o momento é difícil e espero que tudo passe logo. Torço para poder escrever mais em dias cada vez melhores e que ausências injustificáveis não voltem a acontecer. Já estou com alguns temas engatilhados e ansiosa pra deixar tudo pronto.