/ RECOMENDAÇÕES

Como as mulheres chegam ao topo

Foto de ingridmachado.net

O livro “Como as mulheres chegam ao topo – Elimine os 12 hábitos que impedem você de alcançar seu próximo aumento, promoção ou emprego” foi lido junto com o clube do livro das Mulheres de Produto no mês de março. Esse livro foi um divisor de águas para mim e eu espero que seja para você também.

Sobre o livro

Título: Como as mulheres chegam ao topo – Elimine os 12 hábitos que impedem você de alcançar seu próximo aumento, promoção ou emprego

Autores: Sally Helgesen e Marshall Goldsmith

Editora: Alta Books

Sinopse: Elimine os 12 hábitos que impedem você de alcançar seu próximo aumento, promoção ou emprego. Você quer dar o próximo passo na sua carreira… Mas não tem certeza do que está te impedindo. Abra este livro! A especialista em liderança Sally Helgesen e o coach best-seller em liderança, Marshall Goldsmith já treinaram milhares de profissionais de alto nível - homens e mulheres - para atingirem objetivos ainda maiores. Vez após vez, eles percebem que as mulheres enfrentam obstáculos específicos e, muitas vezes, diferentes dos homens à medida que progridem em seus ambientes de trabalho. Na realidade, os mesmos hábitos que ajudam as mulheres no início de suas carreiras podem prejudicá-las conforme avançam. Simplificando, o que a trouxe até aqui não vai a levar até lá… e talvez você nem perceba seus pontos cegos antes que seja tarde demais. Você é ótima com os detalhes? Para chegar ao topo, você precisa fazer menos e delegar mais. Você sabe trabalhar em equipe? Para avançar, você precisa levar crédito com a mesma facilidade com que o compartilha. Você é uma estrela do network? Os líderes sabem que uma rede não é boa, a menos que você saiba como usá-la. Sally e Marshall identificam os 12 hábitos que atravancam as mulheres à medida que tentam avançar, mostrando-lhes porque o que funcionou para elas no passado pode na verdade estar sabotando seu sucesso futuro. Com base no best-seller clássico de Marshall, “Reinventando o seu Próprio Sucesso”, o novo livro “Como as Mulheres Chegam ao Topo” é leitura essencial para as mulheres que estão prontas para avançar para o próximo nível.

Link Amazon: aqui

Minhas impressões

O livro foi escrito por 2 coaches e fala sobre os 12 hábitos que impedem as mulheres de alcançar o seu próximo aumento promoção ou emprego. São 20 capítulos divididos em 3 partes:

Parte I – Sobre estar estagnada

  1. Nossa história
  2. Onde você está
  3. Quando as mulheres resistem à mudança

Parte II – Os hábitos que impedem as mulheres de alcançarem seus objetivos

  1. Os doze hábitos
  2. Hábito 1: Relutar em reivindicar suas conquistas
  3. Hábito 2: Esperar que os outros notem e recompensem espontaneamente suas contribuições
  4. Hábito 3: Supervalorizar a expertise
  5. Hábito 4: Construir em vez de usufruir de relacionamentos
  6. Hábito 5: Não recrutar aliados desde o primeiro dia
  7. Hábito 6: Colocar seu emprego à frente de sua carreira
  8. Hábito 7: A armadilha da perfeição
  9. Hábito 8: A doença de querer agradar
  10. Hábito 9: Minimizar
  11. Hábito 10: Demais
  12. Hábito 11: Ruminar
  13. Hábito 12: Permitir que seu radar distraia você

Parte III – Mudar para melhor

  1. Comece com uma única coisa
  2. Não se isole
  3. Pare de julgar
  4. Lembre-se do que trouxe você até aqui

A primeira parte fala sobre estar estagnada e como foi que surgiu a ideia de fazer um livro focado nos hábitos das mulheres. Em resumo, os dois coaches possuem ampla experiência e notaram um padrão no comportamento e na evolução da carreira das mulheres.

A segunda parte fala literalmente sobre os 12 hábitos que eles entendem que as mulheres possuem e mantém mais do que os homens. Não que seja algo generalizado, mas é uma tendência que ficou evidente durante a carreira dos autores auxiliando executivos.

E a terceira parte fala sobre mudar para melhor. Cada capítulo com os hábitos fala sobre como você pode melhorar e trabalhar cada um deles, mas a última parte dá dicas de como aplicar essas melhorias de forma mais assertiva e que siga sendo útil durante toda sua carreira.

O que eu achei mais interessante nesse livro é que os exemplos mostram mulheres bem-sucedidas e que são extremamente competentes e preocupadas com o seu trabalho, que querem crescer e ter uma carreira de sucesso, mas que, ao mesmo tempo, não têm as mesmas oportunidades que os homens. Eu achava que muitas das coisas que li aconteciam só comigo e vi que é algo que acontece com todas as mulheres. E não estou falando de somente um ou dois exemplos. Se por um lado é bom porque eu vejo que não acontece só comigo, por outro lado é ruim saber que essa cultura machista nas organizações está enraizada e acontece em empresas de diversos lugares do mundo, em diversos níveis hierárquicos.

Recomendo que você leia esse livro se está se sentindo estagnada na carreira ou se você acha que está crescendo, mas não no ritmo que gostaria de crescer. Na verdade, recomendo a leitura para mulheres em qualquer ponto da carreira e para os homens também. Melhorar a cultura organizacional não é somente responsabilidade das mulheres ao não aceitarem mais determinados comportamentos: os homens também devem parar de reproduzir atitudes e vieses que nos desfavorecem e as vezes até nos ofendem.

Conteúdo extra

Essa leitura me deixou realmente inspirada. Foi a partir dela que decidi falar mais sobre carreira, o que significa estudar mais sobre isso e compartilhar algumas experiências. Já estou publicando esse conteúdo na Trilha de Valor, dentro da seção “Hack de carreira”.

É um pouco estranho falar sobre aspectos da minha carreira que não costumo compartilhar, mas todo mundo erra e todo mundo passa por situações difíceis. Compartilhando erros e acertos, posso ajudar quem está em um ponto da carreira diferente do meu ou até mesmo seguindo o mesmo caminho a não passar por certas situações. Espero que esteja sendo útil.


Como eu disse, espero que esse livro seja um divisor de águas para você assim como foi para mim. Dói um pouco entender que a gente tem atitudes erradas e às vezes nos culpamos achando que deveríamos voltar atrás e fazer diferente, mas infelizmente não temos como fazer isso. Então, só resta a gente aprender com os nossos erros e entender quais são os nossos hábitos que não estão de acordo com o esperado pelo mercado de trabalho e tentar trabalhar em cada um deles.

Até a próxima!



ingridmachado

Ingrid Machado

Engenheira de computação, especialista em engenharia de software.
Autora deste querido blog.

Mais posts